Publicado em 29/03/2019 às 13h25 | 174 visualizações | |

Vamos diminuir o consumo de plástico?

 

Não há como negar que o plástico faz parte do mundo moderno. Convivemos com ele em suas mais diversas formas, e pensar em bani-lo do nosso dia a dia pode parecer tarefa impossível. Mas precisamos falar sobre isso: afinal, os produtos feitos com esse material causam um impacto ambiental gigantesco. Segundo dados divulgados pela ONU, o plástico já compõe 80% de todo o lixo marinho e a estimativa é ele supere a população de peixes em 2050.

Além de causar a morte de animais marinhos por asfixia, muito desse plástico acaba sendo ingerido por eles e penetra em toda a cadeia alimentar, incluindo a terrestre. Além de absorverem substâncias químicas perigosas, em muitos casos o próprio plástico é feito de materiais tóxicos, como o bisfenol.   

 

O perigo do bisfenol

Desde 2012, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a venda de mamadeiras e outros produtos plásticos que contenham bisfenol A (BPA). A decisão se deu porque o consumo dessa substância pode causar puberdade precoce, infertilidade e aumenta a possibilidade de aparecimento do câncer de ovário e endométrio. No caso dos homens, pode afetar a produção de espermatozoides e, consequentemente, causar problemas de fertilidade.

Em 2010, a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia de São Paulo criou a campanha “Diga não ao bisfenol A, a vida não tem plano B”, com o intuito de banir o composto dos produtos infantis e de embalagens de alimentos.

 

Segundo a associação, é possível evitar a exposição ao bisfenol com algumas medidas simples:

– Nunca aqueça no microondas bebidas ou alimentos em embalagens plásticas

– Use mamadeiras e utensílios de vidro para os bebês

– Não leve ao freezer alimentos e bebidas acondicionadas no plástico.

– Evite o consumo de alimentos e bebidas enlatadas
– Para armazenar bebidas e alimentos, opte por utensílios de vidro, porcelana e aço inoxidável

– Descarte utensílios de plástico lascados ou arranhados.

 

Como consumir menos plástico

Embora os cuidados acima ajudem a proteger a sua saúde, a forma mais eficiente de proteger o planeta como um todo é diminuir o consumo de plástico. Para te ajudar nisso, listamos a seguir 12 dicas para incorporar à sua rotina:

 

  • Evite comprar água de garrafa plástica
  • Vá às compras com ecobags
  • Reutilize sacolas de plástico
  • Reutilize copos e garrafas
  • Utilize seus próprios potes e recipientes
  • Use fósforos e evite isqueiros
  • Não compre pratos e copos descartáveis
  • Prefira sempre os recipientes reutilizáveis
  • Diga não aos canudinhos
  • Opte por fraldas de pano, se possível
  • Faça sucos em casa em vez de comprar os de garrafa
  • Compre em lojas de produtos a granel

Quando for ao supermercado, reflita sobre suas escolhas e selecione produtos que causem menos danos ao meio ambiente. Gestos simples fazem toda diferença e a natureza agradece. A sua saúde também.

 

Fonte: Fortíssima

Tags

sem tags

Comentários ()

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de De tudo um pouco